Jornal de Notícias 100 casas para travar saída de moradores do centro histórico de Lisboa

  • , atualizado às 17:42

RTP Notícias Assalto em Lisboa termina em Queluz de Baixo com seis feridos - País - RTP Notícias

  • 19:
  • .
  • :41
  • . Relacionados: MAI admite que criminalidade violenta tem vindo a crescer Artigos Relacionados MAI admite que criminalidade violenta tem vindo a crescer

Observador Dois assaltantes e três polícias feridos em operação policial em Queluz de Baixo – Observador

Dois assaltantes e três polícias feridos em operação Operação policial em Queluz de Baixo . Um dos suspeitos continua internado nos cuidados intensivos – Observador

  • Dois assaltantes e três polícias feridos em operação
  • Em atualização Dois homens
  • de terem realizado vários assaltos
  • últimos meses em Lisboa e três polícias ficaram
  • assaltante em fuga
  • Autor
  • Dois
  • realizado vários assaltos a
  • , ficaram
  • durante uma operação policial
  • Queluz
  • Baixo
  • Um terceiro foi detido pela polícia
  • ,
  • MINI
  • ,
  • agendas
  • .
  • Operação
  • . Um dos
  • continua internado
  • cuidados intensivos Atualizado Um dos alegados assaltantes
  • na sexta-feira,
  • , permanece hospitalizado
  • O outro já teve alta e
  • terceiro terá morrido. Buscas já terminaram
  • Autores
  • Observador Agência Lusa As buscas em Oeiras e em Sintra, na sequência da operação policial de sexta-feira em Queluz de Baixo que culminou na morte de um dos alegados assaltantes, terminaram durante a noite de sexta-feira, confirmou fonte oficial da PSP à Agência Lusa. " As buscas foram realizadas no bairro da Portela, em Oeiras, e em Casal de Cambra, Sintra, mas já terminaram . As ações estão relacionadas com o caso", disse a fonte, explicando que em causa esteve a "procura de elementos probatórios no âmbito da investigação" de um grupo de
  • assaltado várias
  • . A mesma fonte confirmou ainda que um dos dois suspeitos
  • permanece internado nos cuidados intensivos do Hospital S. Francisco Xavier,
  • Lisboa, em "estado reservado". Fonte oficial do gabinete de comunicação do Centro Hospitalar de Lisboa Ocidental (CHLO), integrado pelo São Francisco Xavier, adiantou à Lusa que pelas 10h30
  • sábado, este ainda se encontrava hospitalizado
  • O outro suspeito, que estava no Amadora-Sintra, "já teve alta
  • está detido", segundo a PSP. De acordo com o Diário de Notícias, o terceiro suspeito terá morrido dos ferimentos infligidos durante a operação policial . Há
  • ,
  • na sexta-feira.
  • Mini
  • O Diário de Notícias também refere, citando fonte policial, que o incidente ocorreu perto do Continente de Telheiras e o valor transportado rondava os 70 mil euros. Foram efetuadas buscas no Bairro da Outurela, em Carnaxide, Oeiras. "Na sequência do assalto, [os suspeitos] colocaram-se em fuga em viatura roubada e foram intercetados por agentes da PSP na zona de Queluz de Baixo, Oeiras. Aquando da detenção, à qual resistiram, houve necessidade de recurso a arma de fogo pela PSP. Na sequência da intervenção policial, registaram-se cinco feridos, três dos quais polícias, sendo todos encaminhados para tratamento hospitalar . Foi apreendido o produto do roubo e uma arma de fogo", adiantou a Direção Nacional da PSP, em comunicado divulgado.
  • ,
  • , mas acabou por morrer ao início da noite
  • hospital
  • agentes
  • . Segundo a Direção Nacional da PSP, os suspeitos já tinham antecedentes criminais. "Salienta-se que os indícios recolhidos em sede de investigação realizada pela PSP e tutelada pelo Ministério Público apontam para que grupo detido seja o eventual responsável por assaltos a ATM (caixas multibanco), carrinhas de transporte de valores e estações dos CTT (correios)", sublinhou a PSP. Ministro da Administração Interna: resposta da PSP foi "bem-sucedida" O ministro da Administração Interna, Eduardo Cabrita, afirmou que a resposta da PSP foi "bem-sucedida", deixando elogios ao empenho das forças de segurança no combate à criminalidade. "Houve uma operação da PSP que foi uma operação bem-sucedida, na medida em que permitiu intercetar um conjunto de elementos, no âmbito daquilo que são medidas de prevenção e repressão aos fenómenos ligados à violência junto dos ATM e veículos de transportes de valores", disse o ministro, durante a presença numa operação da GNR no Montijo. Eduardo Cabrita elogiou o empenho das forças de segurança no combate a uma criminalidade que cresceu no último ano. "Quero saudar o empenho que todas as forças e serviços de segurança, PSP, GNR e PJ, têm vindo a fazer em relação a um tipo de criminalidade que ao longo deste ano teve uma evolução preocupante, mas foram tomadas medidas que estão a produzir efeitos", defendeu. Artigo atualizado pela última vez às 11h56 de 30/12/2017

Observador Duarte Marques fez comentário na SIC sobre financiamento partidário sem conhecer a lei – Observador

  • [Veja aqui o fact-check em vídeo ao que disse Ana Catarina Martins sobre as mexidas na lei]

Correio da Manhã Dois assaltantes e três polícias feridos após assalto - Portugal - Correio da Manhã

  • . Os cinco feridos resultaram de um tiroteio
  • e três polícias
  • Telheiras
  • Em seguida, as
  • suspeitos pertenceriam a um gang
  • já seriam procurados pelas autoridades
  • Os polícias feridos tiveram
  • receber assistência médica
  • e perseguição só terminou em Queluz
  • Três polícias também ficaram com ferimentos na abordagem aos suspeitos: a viatura em que os ladrões seguiam chocou com a carrinha das autoridades.
  • pelas 14h50
  • com recurso a arma de fogo
  • Carnide
  • a soco e pontapé
  • As
  • depois
  • roubado
  • polícias não foram baleados
  • ficaram feridos no embate das viaturas
  • Foi apreendido o produto do roubo e uma arma
  • fogo
  • . A Direção Nacional da PSP afirma, em comunicado, que os suspeitos já tinham antecedentes criminais. "Os indícios recolhidos [...] apontam para que grupo detido seja o eventual responsável por assaltos a ATMs, carrinhas de transporte de valores e estações dos CTT", pode ler-se

Dois assaltantes e três polícias feridos após assalto em Lisboa - Portugal - Correio da Manhã

  • Carrinha de valores foi assaltada
  • e perseguição
  • Perseguição
  • PSP realiza buscas em Carnaxide e Sintra.
  • Depois da detenção dos suspeitos, a PSP esteve a fazer buscas em habitações no bairro da Portela, em Carnaxide e em Casal de Cambra, Sintra, que estarão relacionadas com este gang, nomeadamente com o assalto ao balcão dos CTT de Alfragide, ocorrido na semana passada e que terá sido levado a cabo pelo mesmo grupo. "Confirmamos que estão a ser realizadas buscas no concelho de Oeiras relacionadas com o caso. As buscas estão a decorrer no bairro da Portela, perto da zona comercial do Alegro de Alfragide, mas não estão relacionadas com o procurar mais pessoas. O objetivo é procurar elementos probatórios no âmbito da investigação", disse à Lusa fonte da PSP. A equipa da PSP começou a desmobilizar dos locais pelas 23h00.
  • , nos Cuidados Intensivos
  • . Ministro da Administração Interna elogia atuação da PSP O ministro da Administração Interna, Eduardo Cabrita, afirmou hoje que a resposta da PSP a um assalto a uma carrinha de transporte de valores foi "bem-sucedida", deixando elogios ao empenho das forças de segurança no combate à criminalidade. "Houve uma operação da PSP que foi uma operação bem-sucedida, na medida em que permitiu intercetar um conjunto de elementos, no âmbito daquilo que são medidas de prevenção e repressão aos fenómenos ligados à violência junto dos ATM e veículos de transportes de valores", disse o ministro, durante a presença numa operação da GNR no Montijo
  • Em atualização
  • PSP trava assaltantes a tiro
  • Atualização: Permanece nos cuidados intensivos suspeito de assalto a carrinha de valores Um dos suspeitos de assalto a uma carrinha de transporte de valores que ficou ferido na sexta-feira permanece hoje de manhã na unidade de cuidados intensivos do Hospital São Francisco Xavier em Lisboa, segundo fonte hospitalar. Fonte oficial do gabinete de comunicação do Centro Hospitalar de Lisboa Ocidental (CHLO), integrado pelo São Francisco Xavier, adiantou à Lusa que hoje pelas 10:30 o ferido ainda se encontrava na unidade de cuidados intensivos. Este ferido é um dos três suspeitos detidos durante a perseguição policial após assalto a uma carrinha de valores na sexta-feira em Lisboa. Dos três detidos, dois ficaram feridos, mas um deles já teve alta. A operação resultou ainda em ferimentos em três polícias. Fonte policial disse na sexta-feira à Lusa que o ferido no São Francisco Xavier se encontra em "estado reservado". A PSP realizou na noite de sexta-feira buscas num bairro do concelho de Oeiras e em Sintra relacionadas com o assalto a uma carrinha de transporte de valores. As buscas foram realizadas no bairro da Portela, em Oeiras, e em Casal de Cambra, Sintra. "Na sequência do assalto, [os suspeitos] colocaram-se em fuga em viatura roubada e foram intercetados por agentes da PSP na zona de Queluz de Baixo, Oeiras. Aquando da detenção, à qual resistiram, houve necessidade de recurso a arma de fogo pela PSP. Na sequência da intervenção policial, registaram-se cinco feridos, três dos quais polícias, sendo todos encaminhados para tratamento hospitalar. Foi apreendido o produto do roubo e uma arma de fogo", relata a Direção Nacional da PSP, em comunicado divulgado. No momento em que a viatura dos três suspeitos foi intercetada em Queluz de Baixo, concelho de Oeiras, os homens abalroaram a viatura policial, provocando ferimentos em três polícias, que tiveram de ser levados para o hospital. Os três homens terão assaltado uma carrinha de valores na zona de Carnide, em Lisboa, um pouco antes das 15:00, com recurso a uma arma de fogo (revólver), tendo agredido um dos seguranças da carrinha de valores "a soco e pontapé, provocando-lhe diversos ferimentos", segundo a polícia.